<
facebook Twitter instagram
THEME ©
Sobre isso de “quem-machuca-quem”. Não há muita saída, há? É como duas pessoas que se jogam em queda livre, dividindo o mesmo paraquedas, uma só cordinha. Se alguém achar que está indo rápido demais ou que já estamos meio perto do chão, adianta consultar o outro? Não, você abre a lona e respira. Azar se o parceiro estava curtindo o vento na cara e a paisagem azulada do céu. Eu apenas quero tocar meus pés no chão e sair andando. Alguns têm fobia de altura, o que se pode fazer a respeito?

Gabito Nunes.  (via defensor)



A saudade só não mata porque tem o prazer da tortura.

Gabito Nunes. (via setembros)



Você não me quer perto, mas também não deixa eu ficar longe. É como se você falasse “por favor, não me esqueça num canto qualquer, mas também não precisa me deixar na cabeceira da sua cama” e eu fico aqui perdido na sua indecisão, sem saber se te esqueço ou se te procuro. O pior é que não sei lidar com essa situação e se fosse qualquer outra pessoa já teria mandado pra puta que pariu. O único problema é não ser outra pessoa, é você e aí o papo é outro e mesmo não gostando e sabendo que talvez perca eu entro no seu jogo.

Fabio S.  (via supostos)


vazio
agudo
ando meio
cheio de tudo.

— Paulo Leminski.  (via enoitecer)



Uma coisa é certa: ficar sentado se sentindo infeliz não vai mudar nada.

O Menino Do Pijama Listrado    (via n-o-v-o-h-e-r-o-i)



Não me sinto confortável em festas. Aniversários, formaturas, jantares, bota-foras, bailes de casamento, anos-novos, baladas, orgias (embora ainda não tenha participado de uma, sei que vou pôr defeito em tudo). Não consigo fugir de me sentir meio mongol nessas situações, e normalmente passo a noite parado num canto, abraçado num pilar feito um ursinho coala que esqueceu de tomar o antidepressivo e só quer voltar o quanto antes para seu galho na árvore. Fico ali, matutando pensamentos darwinianos e admirado com o potencial que as pessoas têm para ser frívolas, esnobes e dissimuladas.

Gabito Nunes. (via cambaleei)


Nada é tão difícil quanto se apresenta num primeiro momento. E tudo, tudo tem um jeito. Mas entenda: nem sempre é o seu jeito. A gente vai se adaptando ao que a vida nos apresenta. Só que a escolha sempre será minha, sua ou nossa. Isso ninguém nos tira.

Clarissa Corrêa.  (via redigitador)




Há momentos na vida em que sentimos tanto a falta de alguém que o que mais queremos é tirar esta pessoa de nossos sonhos e abraçá-la. Sonhe com aquilo que você quiser. Seja o que você quer ser, porque você possui apenas uma vida e nela só se tem uma chance de fazer aquilo que se quer. Tenha felicidade bastante para fazê-la doce. Dificuldades para fazê-la forte. Tristeza para fazê-la humana. E esperança suficiente para fazê-la feliz. As pessoas mais felizes não têm as melhores coisas. Elas sabem fazer o melhor das oportunidades que aparecem em seus caminhos. A felicidade aparece para aqueles que choram. Para aqueles que se machucam. Para aqueles que buscam e tentam sempre. E para aqueles que reconhecem a importância das pessoas que passam por suas vidas. O futuro mais brilhante é baseado num passado intensamente vivido. Você só terá sucesso na vida quando perdoar os erros e as decepções do passado. A vida é curta, mas as emoções que podemos deixar duram uma eternidade. A vida não é de se brincar porque um belo dia se morre.

Clarice Lispector.   (via redigitador)